Pesquisando...
04 agosto 2012

Como redimensionar o disco virtual do Archivematica no Virtual Box

Quando eu trabalhei com o Repositório Digital Archivematica, tive que redimensionar o disco rígido virtual, da máquina virtual, no Virtual Box. Como o disco rígido virtual do sistema operacional Xubuntu (que contém o Archivematica) é limitado em até 20GB, foi necessário aumentar esse tamanho para que os documentos do LAEDPA (Laboratório de Acervo, Editoração e Divulgação da Produção Acadêmica - do Curso de Arquitetura e Urbanismo/UFSM) pudessem ser inseridos na sua totalidade. Este procedimento fez parte do meu Trabalho Final de Graduação.

Foi definido 60GB para o novo tamanho, considerado o espaço disponível em todo o HD do computador do Laboratório. Na medida em que o acervo documental for aumentando, este espaço poderá ser novamente redimensionado.

Configurações e softwares utilizados:

As configurações básicas do computador Desktop existente no Laboratório, atualmente, são: 250GB de espaço de armazenamento no HD; 2GB de memória RAM, processador Pentium(R) Dual-Core CPU 2.20GHz e Sistema Operacional Windows Seven Ultimate. O software Virtual Box na versão 4.1.18, com o Archivematica no formato Vbox.

Procedeu-se da seguinte maneira: 

A partir do terminal do Windows Seven (cmd.exe) foi executado o comando para aumentar o tamanho do disco rígido virtual. Os comandos foram os seguintes:

1º comando:

CD C:\PROGRAM FILES\ORACLE\VIRTUALBOX

2º comando:

VBOXMANAGE MODIFYHD “C:\PROGRAM FILES\ARCHIVEMATICA\ARCHIVEMATICA-0.8-ALPHA.VDI” –RESIZE 61000

Os endereços de diretórios apontados nos comandos acima, se referem àqueles do computador do LAEDPA. Deve-se alterá-los conforme as configurações de cada computador. A figura seguinte apresenta o resultado final após o segundo comando



Resultado final após o comando no terminal do Windows para aumentar o espaço no disco
rígido virtual



A partir disso, é aumentado o tamanho do disco rígido virtual, porém o espaço adicionado além dos 20GB já existentes, fica desabilitado. É necessário então redimensionar o disco rígido para o novo tamanho. Para isso, foi utilizado o software GParted. O Gparted é um editor de partição gratuito, que vamos usar para redimensionar as partições conforme desejarmos.

Próximo passo: Fazer o download da imagem .iso do Gparted live cd. Acesse a url: http://sourceforge.net/projects/gparted/ e baixe a ultima versão da imagem .iso

Próximo passo: Adicionar o liveCD Gparted na maquina virtual. Adicione o .iso na sua vm de forma que fique assim:



Para quem usa controlador IDE, basta adicionar na posição IDE Secondary Master.
Certifique-se também que a ordem de boot da sua VM está com o CD-Rom antes do HD:


Próximo passo: Iniciar a VM pelo LiveCD do GParted. Ligue a VM e inicie escolhendo a opção do GParted:


Ele irá oferecer alguma opções de formato do teclado e linguagem. Você pode ir pelas configuraões padrões apertando “ENTER” em todas as opções oferecidas até chegar na tela do sistema:


Próximo passo: Verificar os nomes dos discos. Assim que o GParted iniciar, o programa já deve vir aberto. Se não estiver em execução, você pode inicar o GParted pelo ícone na área de trabalho.
Depois disso, você precisa ficar atento para o nome do disco a ser redimensionado (o do Archivematica-20GB):


Próximo passo: Redimensionar a partição do disco. No meu caso, estou redimensionando em um HD com linux, então entre a partição do sistema e o espaço disponível tem a partição do swap.



Para poder redimensionar o disco, você precisa remover o “swap” que está em nosso caminho.


Depois de deletar o swap, clique com o botão direito e depois em redimensionar / resize para chegar na tela abaixo:



Arraste o tamanho do disco até o limite desejado. Lembre-se de deixar um pouco de espaço para recriar o swap novamente. Geralmente o swap é criado com o dobro do tamanho da memória da máquina.


Depois de aumentar a partição primária, crie no espaço que sobrou uma partição estendida, onde iremos definir o novo swap.


Criado a partição estendida, crie dentro dela uma partição lógica com o file-system “linux swap”



Pronto. Terminamos de redimensionar o disco.



Agora basta aplicar as modificações e esperar um pouco.


Feito isso, já podemos desligar a vm.

Próximo passo: Ligar a VM com o novo disco redimensionado. Remova o cd de boot e depois ligue a vm com o novo disco!
 

Pronto! Agora o Archivematica ficou com maior espaço de armazenamento, para a preservação de seu acervo documental digital!



__
Dhion C. Hedlund
Em 04 agosto 2012

0 comentários:

Postar um comentário