Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2013

Toyota adere ao WEBPLUS Técnica

Para ampliar a produtividade do arquivo, a Toyota aderiu à plataforma WEBPLUS para a gestão de seu arquivo, em substituição ao PLUS+, ambos sistemas desenvolvidos pela Técnica – Gestão Documental.
A plataforma  WEBPLUS, permite a pesquisa, visualização e recuperação de imagens via web, gerando uma série de relatórios, como de conteúdo, validade dos documentos, ocupação de espaço, entre outros. Entre os benefícios do serviço estão o acesso rápido e ágil às informações, maior controle e organização do material arquivado e redução da possibilidade de extravio de documentos.
Com a nova ferramenta, que roda nos novos sistemas operacionais Windows, os profissionais poderão ter acesso mais rápido e eficiente aos documentos nos arquivos físicos e virtuais. Além disso, o WEBPLUS propicia o acesso a qualquer hora e de qualquer lugar, bastando o solicitante ter acesso à Internet. Entre outras inovações, o WEBPLUS traz novas formas de parametrização e controles das informações.
Fonte: http://doc…

Como ver filmes em DVD no Ubuntu 12.04

Com medo de perder algum lucro com a pirataria (não, a arte do cinema não está ameaçada), a indústria criou algumas barreiras para dificultar qualquer maneira de distribuição não autorizada por eles. E uma dessas barreiras é codificar o DVD para evitar cópias. O grande problema de DVDs codificados ou criptografados, é que ele precisa de um componente proprietário para poder fazer a descriptografação da mídia para dar início ao filme.
O Ubuntu roda DVDs, mas não esses que contam com criptografia. O sistema Linux da Canonical, por questões legais, não disponibiliza o componente proprietário. Na Central de Programas do Ubuntu existe os produtos da Fluendo, mas estes são pagos. O que preciso fazer então? É simples, basta instalar a biblioteca libdvdcss2 ou instalar o repositório Medibuntu.
Clique no link abaixo para fazer o download da biblioteca
libdvdcss2_1.2.9-2medibuntu4_i386.deb

Para instalar, abra o terminal e digite a linha de comando
sudo su
- (digite sua senha do ubuntu)
sudo dpkg -i &…

Lista de 170 dos principais e mais notáveis Softwares Livres para Web

Ser gratuito não significa que não sejam poderosos. Muitos desses softwares têm funções superiores às encontradas em seus concorrentes pagos.

Muitos programadores contribuem para a construção de um Software Livre, compartilhando gratuitamente seu trabalho e, pedindo um auxílio às pessoas dispostas a ajudar. É isso que sustenta o movimento do Software Livre.

Também, se dedicam inteiramente à criar design diferenciado desses softwares de código aberto, sob demanda de empresas, pessoas e instituições que agora se tornam seus clientes. Outros, criam módulos e componentes à esses softwares, com funções específicas de determinado tipo de atividade de um empresa ou instituição, cobrando então pelo seu trabalho, que agora depende da aplicação principal que ele ajudou a desenvolver.

Esse idealismo pode criar ótimos programas. O Firefox é um dos melhores exemplos. Mas há muitos programas de código livre além dele. Conheça agora, 170 dos principais e mais notáveis Softwares Livres, construídos …

Botão para abrir formulário no LibreOffice-Base - Macros

Se você está começando a trabalhar com o Libre Office Base e não entende muito de programação, provavelmente já se deparou com a situação de não conseguir abrir um formulário a partir de um botão de pressão criado em outro formulário. Parecerá mais difícil ainda se você estiver acostumado a utilizar os assistentes do Microsoft Access.

No Libre Office Base é preciso criar uma macro para abrir um formulário a partir de um botão criado no modo desenho do formulário. Depois de criada a macro, é necessário chamar a função no evento "Ao aprovar ação" do botão.

Com o Libre Office Base aberto, vá em "Ferramentas >> Macros >> Organizar Macros >> Libre Office Basic". Na janela que aparecer, selecione "Minhas Macros >> Standards >> Module 1". Haverá um botão no menu lateral direito chamado "Editar". Clique para editar este módulo e insira a seguinte macro: